Artesanato: união faz a força

Talento e muita dedicação são ingredientes fundamentais para ganhar a vida com artesanato, mas só isso não basta. A receita para ser bem-sucedido exige cada vez mais que o artesão seja também um bom gestor de negócios, tenha visão de como aprimorar sua técnica e do público que quer atingir. Um bom caminho nessa direção é buscar apoio de um grupo para ajudá-lo a enfrentar os desafios do mercado.

Apenas no Estado de São Paulo, diz a gestora da área de artesanato do Sebrae/SP, Marta Mendes, são 55 mil artesãos cadastrados pela Superintendência do Trabalho Artesanal nas Comunidades (Sutaco), e estima-se que a cada um estejam associados mais três que dependem da mesma atividade.

Leia a matéria completa na ASN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *