Branding na prática – Wolff Olins – Supermercados Tesco

A maior rede de supermercados britânica queria aumentar a venda de produtos de marca própria. Para fazer isso, a Tesco escolheu reinventar o conceito de marca própria. Tradicionalmente, a abordagem para esse tipo de produto é tática: os supermercados tratam cada categoria como um campo de batalha e acabam imitando as embalagens das grandes marcas.

Ao invés disso, a Tesco decidiu criar uma única marca própria com um design consistente para cada linha de produto.

A Wolff Olins criou uma marca para expressar a personalidade amigável da Tesco, dividindo-a em Premium (chamada de Finest) e econômica (chamada de Value). Ao invés de ver a marca própria como um substituto barato, os consumidores iriam querer a marca da Tesco.

Foi criado um posicionamento e um estilo de embalagem – usando confiantemente o logo da Tesco e uma tipografia simples – que funcionaria para os 37 mil produtos da empresa. Foi também criado um sistema de gerenciamento online para todas as agências de design que trabalham para a Tesco.

Resultados
Essa abordagem radical funcionou. Em um ano, a Tesco aumentou a venda de centenas de categorias de produtos – em alguns casos atingindo 70% de aumento. Com menos designs e agências para gerenciar, a companhia economizou três milhões de libras em custos. Ao invés de lutarem uns contra os outros, os produtos da Tesco estavam ganhando em
equipe.

Há mais de dez anos, os produtos da Tesco chamam a atenção do consumidor. O varejo de alimentos continua sendo a maior fonte de renda da Tesco, compreendendo 46% do total das vendas, que atingiram 53 bilhões em 2008.

Texto adaptado da Wolff Olins®

Para conhecer mais de perto a metodologia, as abordagens criativas e os resultados efetivos dos trabalhos da Wolff Olins (e aprender muito com eles), basta comparecer ao abcDesign Conference Wolff Olins em 11 de maio.

Informações – ESPM e abcDesign realizam a abcDesign Conference com Wolff Olins
Palestrantes: Marina Willer (diretora de criação) e Karl Heiselman (CEO)
Quando: 11 de maio, quarta-feira, das 11h às 14h.
Onde: ESPM – São Paulo (Rua Dr. Álvaro Alvim, 123 – Vila Mariana)
Quanto: R$ 350,00 não assinantes, R$ 290,00 assinantes

Distribua

Casa Rex procura estagiário de design gráfico

Estamos em busca de estudante de Design Gráfico que tenha interesse em desenvolver projetos de embalagem para marcas de consumo globais.
Pré-requisitos:

  • Cursando 2o ou 3o ano do curso de design gráfico.
  • Interesse em design de embalagens/ marcas de consumo
  • Conhecimentos básicos de Photoshop e Illustrator
  • Inglês básico

Processo seletivo:

Envie seu CV com link para portfólio, acompanhado de um texto curto (10-20 linhas) explicando, na sua visão, qual é o papel do designer gráfico hoje.curriculos@casarex.com.br

*Atenção: candidatos que enviarem CVs sem o texto serão automaticamente desclassificados do processo. E-mails maiores do que 5MB ou que forem enviados para qualquer outro email que não este, tampouco serão considerados.

 

Distribua

Coca-Cola Quadrada

Muito bacana o projeto do estudante de design Andrew Kim. Ele reparou que as garrafas tradicionais ocupavam muito espaço quando transportadas. Com o novo formato caberiam 3.949 garrafas a mais do que hoje em dia. Além disso, sua embalagem tem uma forma que permite compactá-la 66% de seu tamanho original.

Fonte:

http://www.hypeness.com.br/2011/03/coca-cola-quadrada/

 

 

 

 

 

 

 

Distribua

Inscrições para o iF Design Award 2011

Os prazos regulares de inscrição para o iF Design Award 2010 se encerrarão nos dias 15 de novembro, para o prêmio Concept Award, e 30 de novembro, para o Comunnication Design Award.

Já os prêmios Material Award e Packaging Design Award estão em sua última chamada e receberão trabalhos até o dia 3 de dezembro.

Não há taxa de inscrição para o Concept Award, que se subdivide em quatro categorias e é voltado para estudantes e graduados nos últimos dois anos nas áreas de design, arquitetura, marketing e engenharia.

O Comunnication Design Award engloba todos os tipos de design de comunicação, como comerciais, publicações e websites. A participação é aberta a designers, arquitetos, designers de interiores e agências, entre outros, que podem submeter um ou mais trabalhos nas cinco categorias que compõem o prêmio.

Os projetos inscritos nas categorias digital media, product interfaces e print media devem ter sido concluídos há no máximo dois anos e deverão ser publicados próximo à cerimônia de premiação. As taxas de inscrição variam entre € 115,00 e € 305,00, dependendo da categoria.

O Material Award admite inscrições de materiais, produtos e processos, com taxa de € 300,00.
O custo da inscrição para o Packaging Design Award também é € 300,00 e os trabalhos concorrentes devem ter sido introduzidos no mercado nos últimos três anos, ou estar previstos para introdução no ano seguinte ao prazo de inscrição no prêmio.

Na categoria Packaging concepts são aceitos projetos ainda não lançados no mercado. Os trabalhos vencedores do iF serão expostos no site, além de receber certificado, troféu e publicação no anuário do iF, entre outros prêmios.
Regulamento, inscrições e mais informações no site: www.ifdesign.de.

Fonte: Sinal

Distribua

Designer cria cobertor e travesseiro em formato de camisinha

O designer da Pensilvânia conhecido como Little Elk, criou um travesseiro que tem formato de uma embalagem de camisinha e o cobertor com o formato de um preservativo. Interessante!

O produto está à venda nesse site.


Distribua

Casa Rex recebe pr


Três projetos da Casa Rex ? surgida da Rex Design e comandada por Gustavo Piqueira ? acabam de ganhar importantes prêmios internacionais.

A identidade visual desenvolvida para a livraria Martins Fontes recebe o 2010 REBRAND 100 Global Awards, maior reconhecimento de excelência em reposicionamento de marca do mundo. Conhecido por ser o primeiro e único prêmio global focado no redesenho de marcas, o REBRAND 100 selecionou o projeto, dentre inscritos de mais de 29 países.

O HOW 2010 Design Annual awards, oferecido pela presitigiada revista americana HOW Magazine, premiou as capas desenvolvidas pela Casa Rex para a coleção de livros “Clássicos Saraiva” (Ed. Saraiva) e o projeto gráfico para a coleção infanto-juvenil “Leituras Descoladas” (Ed. Biruta).

?Agora que iniciamos as operações de nossa base em Londres, prêmios internacionais como esses são mais bem-vindos ainda.?, comenta Piqueira, à frente da nova Casa Rex. Apresentando, a Casa Rex: Casa Rex é uma casa de design com bases operacionais em São Paulo e Londres cuja área de atuação vai de extensos projetos globais para marcas de consumo até a livre experimentação de ideias, não podendo ser enquadrada sob os tradicionais moldes de “agência” ou “estúdio” de design.

Para lançar a primeira linha de lava-roupas líquido da Unilever na Turquia, a Casa Rex ? que acaba de inaugurar sua base operacional também em Londres ? desenvolveu a identidade visual das embalagens de Omo Total Ultraconcentrado.

A solução encontrada pela casa de design foi manter as cores identificadoras das variantes em pó e trazer elementos completamente novos, que destacam o posicionamento premium do sabão líquido. “Para gerar reconhecimento da consumidora era fundamental preservar os códigos característicos de Omo: as cores, as fotos das crianças e a marca, claro. Mas se simplesmente reproduzíssemos isso na nova linha, ninguém iria perceber que se tratava de um produto com atributos avançados de limpeza.”, comenta Gustavo Piqueira, diretor do projeto e à frente da Casa Rex.

A fim de deixar clara a nova proposta, o fluxo de informação foi cuidadosamente distribuído no painel frontal, de modo a integrar os elementos como parte de uma única narrativa, costurada pela onda de produto que percorre e estrutura a embalagem.

“Dessa maneira, o produto conta uma só história, com começo, meio e fim.”, completa Piqueira.

Para conhecer mais, acesse: www.casarex.com.br

Distribua

Mala direta diferente

A produtora musical GGRP (Griffiths, Gibson and Ramsay Productions) em conjunto com a agência Grey Canadá criaram uma mala direta irada. Que é apenas um encarte de papelão que além de proteger o vinil que há dentro, ele deve ser dobrado para amplifica o som.

Acima do vinil possúi apenas o logo e o slogan: “De som nós entendemos” (e provaram)

Você também pode conferir abaixo o vídeo de divulgação deste cartão, que dá uma noção do funcionamento disso.

Isso deixa aqueles cartões que vinham com uma músiquinha em MIDI no chinelo né? hahaha.


Distribua

Puma Clever Little Bag

As famosas caixas vermelhas de tênis (vide acima) da Puma agora não existirão mais. A empresa resolveu optar por uma mais suntentável e que tivesse menor gasto de material e energia.

A nova embalagem tem apenas uma única folha de papelão e não usa cola, apenas dobras e uma alça para evitar o uso de sacola plásticas. E usa 65% menos material do que sua antecessora. A ideia expetacular foi criada pela Puma em parceria com o designer Yves Béhar da Fuseproject.

Abaixo você pode conferir o vídeo institucional sobre a nova embalagem.

Ao meu ver esse projeto ta demais, só tem que vir um aviso as vendedoras para não o coloque em uma sacola em caso de venda, haha!


Distribua

F

Acontecerá no dia 15 de abril, no Centro Brasileiro Britânico, em São Paulo, o Fórum “Rotulagem e decoração de embalagens”. O encontro reunirá designers e profissionais do setor de desenvolvimento de embalagens e marketing, a fim de criar oportunidades de encontro e estreitar relações comerciais. Pretende-se discutir o papel comercial dos rótulos, apresentando sistemas de rotulagem em diferentes níveis de adequação ao produto.

O fórum terá a presença de palestrantes internacionais como Thomas Hine, autor de The total package, e Devra Jacobs, diretora de pesquisa de mídia da Innerscope Research, além de Eduardo Yugue, gerente de embalagens da Nestlé, e de Marcos Palhares, da revista “EmbalagemMarca”, que promove o evento.

As inscrições custam R$ 280,00 e devem ser feitas por meio do formulário no site. O fórum ocorrerá das 8h às 12h e o Centro Brasileiro Britânico fica na Rua Ferreira de Araújo, 741 (Pinheiros), São Paulo.

Mais informações pelo e-mail ciclo@embalagemmarca.com.br, telefone (11) 5181-6533 ou no site: www.ciclodeconhecimento.com.br.

Distribua

Por que água engarrafada é uma porcaria.

Da série da Annie Leonard do Story of Stuff. Esse video explica por que água em garrafinhas é uma droga.

Se em uma garrafinha PET de fácil reciclagem já é uma porcaria, imagine em uma TETRA PAK de 300 ml, é pra acabar… E pior, O PAPEL USADO NA EMBALAGEM É CERTIFICADO FSC!!!

Sério, é muita cara de pau pegar um produto que sem indústrias poluindo o mundo pode ser encontrado de graça  e em ótima qualidade por aí, colocar numa embalagem DIMINUTA vender AOS OLHOS DA CARA e ainda ter a PACHORRA de colocar um selo de idoneidade ambiental, OURO FINO, TU TÁ DE ÁCIDO!!!

Faça uma pesquisa no google com “ouro fino água tetra” e encontrá vários blogs anunciando a nova maravilha, tudo assinado pela RP safada MCOMM.

Tem mais depois do jump.

Continue lendo

Distribua

Embala Minas 2010 – Feira de embalagens e processos

embalaminas

Design será o destaque na Embala Minas 2010

Minas Gerais começa a se configurar como um dos fortes estados onde a inovação é pensada por meio do design. Isso pode ser notado através das ações do Centro Minas Design (CMD), que em conjunto com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDE), vai apresentar uma nova atração, na 4ª edição da Embala Minas 2010, a Minas Pack Design, entre os dias 6 e 9 de abril, no Expominas, em Belo Horizonte.

O novo espaço, no maior evento de embalagens do estado e um dos maiores do país, na Feira Internacional de Embalagens e Processos, busca valorizar o design como a ferramenta tecnológica. A Embala Minas vai funcionar como um centro de inteligência em embalagens, no qual profissionais da área vão desenvolver soluções para os inúmeros segmentos do setor, sejam eles alimentícios, cosméticos e médico hospitalar.

Além disso, a Minas Pack Design vai reunir designers, clientes e o meio acadêmico para discutir saídas e estratégias para os embargos do design de embalagem, tendo em vista o aumento do consumo, principalmente da demanda por invólucros ecologicamente corretos e a melhoria das embalagens das pequenas empresas, que utilizam como recurso formas genéricas, sem atrativos e de pouco valor agregado. Os visitantes ainda poderão participar de palestras e oficinas da área com discussões afins.

A participação do CMD é uma forma de dar conhecimento ao público em geral do projeto Laboratórios Integrados de Design em Tecnologia de Embalagem, que vão integrar e atender as necessidades do Estado, no que se refere à introdução da inovação no setor produtivo e à capacitação de massa crítica para o segmento, que é de grande importância econômica para Minas Gerais.

Os Laboratórios serão instalados no Parque Tecnológico BH-TEC, o qual visa aproximar a pesquisa científica da indústria mineira e a criação de um ambiente tecnologicamente ajustado para a procura de resoluções inventivas, para agregação de tecnologia de ponta em testes e certificação de conformidade.

Segundo a diretora do CMD, Enil Brescia, quando o quesito é embalagem, o design deve estar sempre presente. Uma embalagem com um design bem planejado consegue apresentar as qualidades do produto de forma mais ágil e atrativa ao consumidor. “O intuito do Centro em participar deste evento é apresentar a proposta inovadora do governo de Minas Gerais que são os Laboratórios, onde serão desenvolvidas pesquisas de materiais e processos, além de novas tecnologias. Será um local para atrair novos empreendimentos ao Estado, com profissionais capacitados, com a elaboração de embalagens que atendam as demandas tecnológicas e ecológicas do mercado globalizado”, declarou.

A Embala Minas conta com 400 expositores de diferentes estados brasileiros, que vão apresentar as novidades do setor, explorando o potencial para as áreas de embalagens e processos. Outras seções que estarão presentes no evento são da indústria plástica, química, farmacêutica, bebidas, entre outros.

O evento vai estar aberto para visitação das 16h às 22h. O Expominas fica na Av. Amazonas, 4000, bairro Gameleira.

Ciclo de Palestras do Núcleo de Estudos da Embalagem ESPM

07/04/2010

Embalagens de Marca Própria das redes de varejo
Prof. Aparecido Broghi
Professor do Núcleo de Estudos da Embalagem ESPM
Gerente de Embalagem do Grupo Pão de Açúcar

Embalagem & Comportamento do Consumidor
Prof. Paulo Carramenha
Professor do Núcleo de Estudos da Embalagem ESPM
Presidente da empresa internacional de pesquisas GFK

08/04/2010

Embalagem & Sustentabilidade
Prof. Bruno Pereira
Professor do Núcleo de Estudos da Embalagem ESPM
Gerente de Marketing e Sustentabilidade da DOW Latin America

Inovação na Embalagem
Prof. Fabio Mestriner
Professor do Núcleo de Estudos da Embalagem ESPM
Coordenador do Comitê de Estudos Estratégicos da ABRE

09/04/2010
Debate: Design de Embalagens no Brasil: Demandas e Perspectivas

Increva-se para a feira.

Distribua

KeroCoco lança embalagem comemorativa

Esse mês é aniversário de 15 anos da água de coco, KeroCoco. A Pepsico lançou uma versão comemorativa e limitada para as embalagens e fui presenteado com um pacote especial. A criação é do pintor e escultor pernambucano, Romero Britto. Tirei algumas fotos para vocês darem uma olhadela também.

O site também tem a versão comemorativa, que pode ser acessada diretamente através deste link.


Distribua

Encontro de Inova

embalagem

Tipo: Encontro de Inovação
Tema: Embalagens Sustentáveis

Objetivo: Reunir de forma presencial empresários, pesquisadores, entidades de apoio e governo para debater problemas tecnológicos do setor e buscar soluções via inovação. Programação: Reunião de trabalho com metodologia voltada para soluções práticas. resultados esperados: Criação de um plano de trabalho para rede de agronegócios para orientar o setor e as políticas públicas.

Organização: Simi

Parceiro: Centro Minas Design

Local: Av. José Cândido da Silveira,  Cidade Nova – 2000 – Prédio do Cetec – Núcleo de Capacitação Tecnológica – NCT, sl 07 e 08, a partir das 14h-Belo Horizonte-MG

Data: 10 de Março – 14h

Distribua

Emprego: design de produto – Carpa Design – RJ

Designer de produto com experiencia em projeto de embalagens.

Perfil: Experiência em design de embalagens, prototipagem de facas gráficas em diversos substratos, desenho e detalhamento de vaccum forming, modelagem e renderização, domínio de Illustrator/Corel/AutoCAD/3D
(enviar curriculo/portfólio).

Enviar para: dalcacio@carpadesign.com

Distribua

Quando o redesenho é necessário

Afinal, quando um projeto de revitalizacão se faz necessário para uma empresa?

Essa é uma ótima questão, pois uma revitalização da marca é muito mais do que simplesmente o redesenho de marca ou de embalagem, mais do que um projeto estético egocêntrico de achismos da empresa ou do profissional de criação em questão.

Quando ocorrem mudanças no mercado onde a empresa atua, sejam no gosto e preferências dos consumidores, ou o surgimento de novos concorrentes ou tecnologias, a marca precisa buscar suas metas originais e restaurar as fontes de brand equity* perdidas. Deve-se pensar sobre as associações positivas da marca, e pesquisar possíveis associações negativas na tentativa de revertê-las. A revitalização passa por um processo de decisão de posicionamento da marca: manter, adotar um novo ou retornar as raízes?

O polêmico redesenho das embalagens da Piraquê – onde o desenho original criado por Lygia Pape na década de 60e é considerado um clássico do mercado de embalagens brasileiras – que tiveram suas artes trocadas por criações sem nenhuma referência à própria história de vanguarda da marca me pareceu realmente algo desastroso.

No projeto de embalagem da Piraquê, Lygia Pape aplicou todos os princípios de Gestalt que nortearam as obras de arte da época, cita a jornalista Daniela Name em seu artigo ?O crime da Piraquê? que denuncia o fato: ?O desenho não é a única aproximação com a vanguarda do período. Lygia transformou os biscoitos em sólidos geométricos, conceito amplamente copiado por outras indústrias do Brasil e do exterior. Além de criar um novo conceito em embalagem, até então os biscoitos eram guardados em caixas ou latas padronizadas, a artista ainda desenvolveu um método próprio de cortar e colar o papel de embalo, de modo que ele passou a envolver os biscoitos sem gerar sobras. Os biscoitos passaram a ser empilhados verticalmente e o papel plástico apenas se sobrepunha a esta pilha, criando a forma que as embalagens de biscoito Maria, Maizena e Cream Crackers têm até hoje, ou seja, a de sólidos espaciais (cilindro, ovalóide e paralelepípedo).?

A consternação geral entre designers e admiradores do trabalho de Lygia Pape é bem representada nas palavras de Leo Mendes: ?Em todo projeto de redesenho de marca, embalagem, PDV etc, incluindo ou não reposicionamento do produto/fabricante no mercado, mais do que executar alterações estéticas (que respondem a referências bastante particulares), o que se deve buscar são aprimoramentos funcionais e conceituais, que tornem ou mantenham aquele objeto re-projetado como parte da memória coletiva do observador, quer seja ele público alvo ou não. Um bom produto é aquele que se torna parte da cultura de um grupo social, exatamente como são os biscoitos Piraquê e suas embalagens clássicas desenvolvidas por Lygia Pape, que não só representam o produto, mas também uma (boa) parte da história de inúmeras pessoas. Retirar essa referência cultural da gôndola e trocá-la por uma outra roupagem, que não sinaliza melhor as informações e nem preserva o brilhantismo das embalagens originais, me parece absurdo e triste.?

O projeto de redesenho deve, em primeiro lugar, respeitar as metas e objetivos originais do negócio, inclusive sua história de criação e design, que proporcionou o primeiro contato com o mundo e seus consumidores.

Revitalizar é possível. Planejamento e responsabilidade são essenciais, pois um projeto de redesenho sem pesquisas e bases concretas pode prejudicar a cadeia de valor, a estratégia e o posicionamento de uma marca que levaram anos para se consolidar, resultando em prejuízos reais para o negócio.

*Brand Equity: valor agregado atribuído a produtos e serviços. Esse valor pode ser refletir no modo como os consumidores pensam e agem em relação a marca. É um importante ativo intangível que representa valor psicológico e financeiro para a empresa.(Philip Kotler, Administração de Marketing)

por @carolhoffmann

Distribua