Excesso de referência – Dolly

Hoje o Felipe Tofani havia “comentado” no Pristina (seu blog) sobre como era horrível a cidade do Dollyinho, com infinitos erros tanto de usabilidade como na questão estética, e é claro a assinatura “Designer”. Mas uma vez comentado no twitter não parou por aí, o @camilo87 achou um excesso de referência.

O menu em questão pertence ao site de divulgação do Shrek Terceiro nos canais Telecine (GloboSat).

O layout como um todo não é igual, mas o menu dá pra notar que foi baixado o .swf (arquivo flash) e usado um decompilador, para voltar a sua forma editavel (.fla) e alterado apenas os itens do menu.

Agora a questão é, um elemento de um site pode ser usado completamente da mesma forma que é publicado? Será que os outros elementos não são de outros hotsites? você já viu estes em algum outro lugar? Deixe sua opnião.

*** Vale ressaltar que isso não é sensacionalismo, é aquele velho debate sobre referências ou plágios.


8 respostas para “Excesso de referência – Dolly”

  1. Caralho, até a animação de entrada do menu é igual, é nitido que o alinhamento da Dolly ta totalmente errado e simplesmente solto no contexto.

    #Fail

  2. Mais uma prova de como nossa profissão é cada dia mais sucateada e dominada por picaretas, “sobrinhos” de cliente e da falta de argumentação de nossos atendimentos. É lamentável e assustador o que o futuro nos reserva. Maldita inclusão digital.

  3. Acho que faltou umas boas doses de Etica e Senso do nosso amigo “designer”. Projetos de Web Sites precisam ter a cara do seu produto ou serviço.. Faltou pesquisa e ousadia pra projetar, a referências são apenas flashs visuais para que criemos outros e não replicá-los.

  4. Designer? Hahaha!
    A Dolly não se preocupa nenhum pouco com ação nenhuma ( seja de marketing ou de fazer um refrigerante decente ), é mais que normal esperar esse tipo de trabalheco.

    Refrigereco pede um trabalheco de um desi.. ( bom, melhor não terminar rs )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *