Google não suportará mais IE6


Antes de Ontem (dia 29) o Google anunciou em seu blog, que não vai mais rodar no browser Internet Explorer 6. Em um post entitulado: Navegadores modernos para aplicações modernas. A gigante de buscar anunciou que depois de 1º de Março produtos como Google Docs e Google Sites deixarão de suportar o navegador.

A chamada fala sobre a evolução da web nos ultimos dez anos: “De simples páginas de texto a aplicativos interativos que incluem vídeos e voz. Infelizmente, browsers muito velhos não podem rodar muitas dessas novas funcionalidades adequadamente”.

A verdade é que todos que trabalham com web sabem o quão badtrip é dar suporte ao Internet Explorer 6, eu mesmo já havia citado em um artigo chamado “Internet Explorer 6, não mais” ano passado, onde alguns usuários apoiaram tal mudança, outros nem tanto.

O que prende cerca de 18% de usuários (segundo o StatCounter) ainda são sites como do Detran, e outras instituições programados quando a bíblia ainda estava sendo escrita e que seus diretores desconhecem, ou nem usam o dinheiro arrecadado para dar suporte aos novos padrões e formatos da web. Mas um bom começo para 2010 é a Google apoiar ativamente essa causa.

Acredito que se a Google fizesse um “Block IE6” em 2 meses toda a internet estaria salva desta “praga”. Simples ninguém vive sem o Google, e é claro técnicos e outras pessoas passariam a se adequar para utilizar o maior buscador do mundo.

E você? é a favor desta iniciativa?


9 respostas para “Google não suportará mais IE6”

  1. Sou totalmente afavor dessa medida o ie6 é uma pedra no sapato de qualquer desenvolver web, eu mesmo já parei de dar suporte, prefiro não perder tempo tentando fazer o ie6 apresentar o site como deveria, apenas a outos browser!

    abraços!

  2. Totalmente a favor!! e agradeço a iniciativa do Google… se nós, desenvolvedores continuarmos fazendo sites que rodam em IE6 as pessoas nunca precisarão mudar de navegador… isso só atrasará cada vez mais o desenvolvimento da web!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *