Apple destaca a qualidade dos iPhone 7 em uma peça de Romeu e Julieta

A Apple continua na luta para mostrar a qualidade de som e video dos iPhones. A criação da TBWA\Media Arts La mostra uma cena cinematográfica da interpretação do clássico de Shakespeare, até que você descobre que na verdade é um pai filmando sua filha no colégio.

https://www.youtube.com/watch?v=qStdSMad6TY
A Apple até agora já destacou:

  • A Iluminação
  • O Som
  • A Qualidade da câmera

Jonathan Ive pode sair da Apple

O designer Jony Ive, responsável por grande parte dos produtos da Apple poderá estar deixando a companhia para Retornar a morar no Reino Unido, sua terra natal. E infelizmente ele não poderia continuar na Apple caso vá morar no Reino Unido, mas nem tudo é triste, se ele realmente sair, deverá ganhar um “bonus” que chega a mais de 35 milhões de dólares.

Quem levantou esse rumor, foi o jornal inglês Sunday Times, que afirma ter contato com a família de Ive.

Galera atualizando portfólio e mandando pra Apple em 3,2,1…

via: Tecnoblog


Adobe vê possibilidades de integrar o Photoshop ao iPhone e iPad

Quem nunca pensou em um Photoshop rodando num iPhone ou iPad? Pois é a Adobe também tem pensado (e muito) nisso e John Nack revelou em seu blog um projeto que mostra a possibilidade de os gadgets da Apple trabalharem como ferramentas auxiliares e integradas em tempo real ao Photoshop (não me pergunte em que sistema operacional).

Abaixo você vê um mockup de um aplicativo rodando no iPhone que seria o seletor de ferramentas do PS e que poderá possuir um acervo de guias e tutoriais.

E não para por ai, você ainda pode ver, abaixo um vídeo com a demo de uma paleta de cores em um iPad, que foi apresentada na Adobe MAX. (em inglês)

Só falta a Adobe pensar agora na outra solução.. transforma-lo em uma Cintiq.

via: MM


Cartão de visita que Steve Jobs usava em 1979

Esse cartão de visita simples? minimalista? acabou caindo nas maõs do Pascal Finette, um dos diretores da Mozilla Labs e segundo o MM, há uma curiosidade extra: o número de telefone do cartão até hoje é utilizado pela Apple, mas não toca diretamente na sala de Jobs. 😉 O endereço também fica muito próximo à atual sede da Maçã. E você o que achou? muito moderno para a época?

Impressora feita de peças Lego

O novo viral que está tomando conta é a da impressora Lego felt tip 110, que conectada a um Mac e usando uma canetinha funciona de verdade. Segundo o autor o design e a programação do funcionamento da impressora foi de 3 semanas.


Confira os vencedores do Apple Design Awards 2010

Para quem não sabe, o Apple Design Awards é um evento que ocorre dentro do WWDC que premia os melhores programas criados para o mundo Apple ( iPhone e iPad somente) que possuem a melhor tecnologia, design e experiencia para o usuário, inovação e performance. Abaixo segue a lista com o nome dos programas e seus links para o iTunes, ondem podem ser vistas screenshots e até mesmo baixados (leia-se comprados).

E você? acha que faltou algum?

fonte: Ars Technica


Apple lança O iPhone 4

O tão esperado iPhone que vazou era mesmo verdade e foi lançando hoje na WWDC , com “todo o design novo”, 24% mais fino, uma câmera mais arrojada e outras novidades que vou listar detalhadamente aqui nesse post.

O novo iPhone agora conta com o processador de 1 GHz chamado de A4 (mesmo do iPad) e um novo visor de LCD de 960×640 com 3,5 polegadas e 326 pixels por polegada (técnologia chamada como retina display, vide abaixo).

A câmera também melhora bastante e passa a ter 5 megapixels e possibilita filmar em 720p. (Porque não mais?)
Se assim como eu você fez a mesma pergunta acima. Jobs respondeu que não adianta muitos megapixels, pois a qualidade de imagem não se melhora nada. Porém respondeu que neste aparelho agora tem um sensor que utiliza tecnologia apelidada de BSI, que aumenta a qualidade em comparação às maquinas normais. Tá então tem flash? Se você considerar o flash de LED como um flash, sim, tem!

O que empolga bastante é o “Tap to Focus” e também o iMovie para iPhone, que possibilita a edição do seu vídeo diretamente no iPhone.

Você ainda pode ver uma foto tirada com o novo iPhone 4, disponibilizada pela Gizmodo com 2.97 de Abertura, Exposição automática, Sem Flash, Distância focal de 3.85, ISO: 80. Modo de medição: Spot, Nitidez: Alta, Balanço de brancos: Automatico.


E se você curte ler muito, agora o iBooks passa a funcionar no iPhone OS 4, que também passa a permitir a sincronização do iPhone via Wi-Fi possibilitado não ter que comprar o mesmo livro duas vezes.

Agora o maior rumor, que não vazou mas todo mundo sonhava, a possibilidade do iPhone ter uma segunda câmera frontal e possibilitar uma ligação com vídeo e que agora é possível, através do FaceTime, que só aceita ligações de um Iphone 4 para outro e também prmite conversar com as duas câmeras (frontal e traseira) sem a necessidade de cliques.

Atualmente a versão só funciona via Wi-Fi, mas já estão trabalhando para uma nova versão.

O tempo de bateria para conversação é de 7 horas, navegação 3G 6 horas, Wifi 10 horas, video 10 horas, música 40 horas, stand-by 300 horas.

Há e também tem um giroscópio, junto do acelerômetro, já que o giroscópio tem três eixos e capaz de detectar movimentos de rotação, rolamento e gravidade. somando tudo fica 6 eixos.

O novo celular conta também com um segundo microfone que elimina ruidos externos.

O preço é aparentemente barato, U$199 na versão 16 GB e U$299 na versão 32GB, a previsão de chegada para as terras tupiniquins é para setembro desta mesma década.

É assim como dito no final da apresentação “Algo que parecia apenas um sonho há poucos anos, agora é realidade!”

Vale uma olhadela também no site oficial que foi ao ar logo após o evento… apple.com/iphone

E você? o que achou do novo aparelho?


Adobe declara amor pela Apple

Essa semana uma das coisas que mais deu o que falar foi a declaração de amor da Adobe para com a Apple publicado no Engadget. Que cita “Nós Amamos a Apple” e em seguida faz uma grande declaração. Vale a pena conferir.

“Nós amamos Flash e HTML 5;

Nós amamos nossos três milhões de desenvolvedores;

Nós amamos escrever o código apenas uma vez;

Nós amamos todas as plataformas e aparelhos;

O que nós não amamos é qualquer um tirando nossa liberdade de escolher o que criar, como criar e qual será sua experiência na web.”

Não demorou muito e os fanboys da empresa de Cupertino revidaram.

E você o que acha? a Apple deve continuar a ignorar os usuários de Flash?


Ranking geral de Navegadores

A NetApplications em sua ultima compilação de gráficos de navegador trouxe uma notícia boa para os desenvolvedores. O Internet Explorer está sendo menos usado (cerca de 0,7%) e ainda mostrou a porcentagem da utilização de outros navegadores. Vale a olhada.

Agora é só rezarmos para que nos proximos meses o Internet Explorer tenha menos e menos usuários e o mundo será mais feliz =)


Discurso do Steve Jobs

O post de hoje é para pensar… Steve Jobs (fundador da Apple, Pixar e NexT) deu um discurso para a uma turma de formandos em 12 de Junho de 2005 na universidade de Stanford. O vídeo é velinho, está legendado e conta muitas curiosades da vida do Sr. Jobs narrada por ele mesmo. Na minha opnião o melhor é a revelação sobre o Windows (haha). Vale a pena você ver e refletir sobre sua faculdade, trabalho, vida e se perguntar: você faz o que gosta?

Texto do discurso traduzido

Muito obrigado. Estou honrado de estar com vocês nesta cerimônia de?uma das melhores universidades do mundo. À bem da verdade, eu nunca?me formei em uma, e esta é a oportunidade em que cheguei mais perto?de uma graduação.
Quero hoje contar três histórias de minha vida. Apenas isto. Nada de?muito grande. Apenas três histórias. A primeira é sobre conectar os?pontos. Eu abandonei o curso na Universidade Reed College depois de?seis meses de estar lá, mas fiquei pelos entornos uns dezoito meses?mais, antes de realmente abandonar tudo. Porque abandonei os estudos?
Isso se inicia desde antes de eu nascer. Minha mãe biológica era uma?estudante jovem e solteira e ela decidiu que eu deveria ser adotado.?Impôs como condição que eu fosse adotado por pessoas graduadas em?curso superior, de tal modo que as coisas estavam arranjadas para que?um advogado e sua esposa me adotassem. Mas quando eu nasci, eles?decidiram na última hora que na verdade desejavam uma menina. Então?meus pais, que estavam em uma fila de espera, receberam uma chamada?telefônica no meio da noite: “Temos um menino que não era esperado.?Vocês o querem?” Ao que eles responderam “Naturalmente”.
Minha mãe biológica descobriu mais tarde que minha mãe não havia?completado faculdade e meu pai nem o secundário. Ela se recusou a?assinar os papeis definitivos de adoção. Aliviou-se apenas quando?meus pais prometeram que me fariam entrar para a universidade. Assim?foi o início da minha vida. E 17 anos depois eu realmente entrei numa?universidade, mas ingenuamente escolhi uma universidade que era quase?tão cara quanto a Stanford. Todas as economias de meus pais operários?estavam sendo usadas no pagamento de meus estudos. Depois de seis?meses eu não conseguia ver valor nisso.
Eu não tinha idéia do que eu?desejava fazer na vida e menos ainda em como a universidade me ia?ajudar a encontrar meu rumo. Ali estava eu, gastando todo o dinheiro?que meus pais tinham economizado numa vida inteira. Decidi?interromper, confiando que tudo se arranjaria. Na época foi?assustador, mas olhando para trás, foi uma das melhores decisões que?jamais tenha tomado. Uma vez tendo interrompido, pude parar de ir a?aulas que não me interessavam e passar a ir naquelas que me pareciam?mais interessantes.
Não foi nada romântico. Não tinha um dormitório, daí ter que dormir?no chão do quarto dos amigos. Recolhia as garrafas de Coca-Cola para?ganhar os cinco cents pagos pelo retorno delas, comprando comida com?eles. Caminhava sete milhas (cerca de onze quilômetros) atravessando?a cidade todo domingo a noite para conseguir uma boa janta por semana?no templo Hare Krishna. Adorava isso. Muito daquilo em que topei por?segui a minha curiosidade e intuição resultou ser extremamente?precioso mais tarde.

Deixem eu dar um exemplo:
O Reed College naquele tempo oferecia talvez o melhor curso de?caligrafia do pais. Por todo o campus, cada pôster, cada rótulo em?cada gaveta era lindamente escrito à mão. Por haver abandonado o?curso regular, decidi tomar aulas de caligrafia e aprender a fazer?aquilo. Tomei conhecimento da existência de tipos com serifa e sem?serifa, de espaços variáveis entre as diferentes letras, o que faz?uma grande tipografia, grande. Era lindo, histórico, artisticamente?sutil, de um modo que a ciência na percebe e achei tudo fascinante.
Nada disso tinha sequer uma chance de aplicação prática em minha?vida. Mas dez anos depois, quando estávamos fazendo o design do?Macintosh, tudo me veio à mente, e pusemos tudo isso no Mac. Foi o?primeiro computador com tipos bonitos. Se eu não tivesse caído?naquelas salas de aula, o Mac possivelmente não teria múltiplas?famílias de tipos e fontes com espaçamento proporcional. Como o?Windows simplesmente copiou o Mac, provavelmente nenhum computador?pessoal as teria hoje em dia.
Se não tivesse interrompido os estudos,?não teria cursado aulas de caligrafia e os computadores pessoais não?teriam as diversas fontes que hoje possuem. É evidente que seria?impossível ligar os pontos olhando para diante quando estava na?universidade, mas era muito, muito claro ao olhar para trás dez anos?depois. Repetindo, não se pode conectar os pontos olhando para?diante. Só se pode conectar olhando para trás, de onde é preciso que?você confie que os pontos de algum modo vão se conectar no seu?futuro. Você tem que acreditar em alguma coisa — em seu taco,?destino, vida, carma, qualquer coisa — porque acreditar que os?pontos irão se conectar ao longo da estrada dá a você a confiança de?seguir o seu coração, mesmo que ele o leve para fora do caminho mais?trilhado e isso mesmo é que faz toda a diferença.
Minha segunda história é sobre amor e perda. Tive sorte em achar cedo?na vida aquilo que gostaria de fazer. Woz (Steve Wozniak) e eu?iniciamos a Apple na garagem da casa de meus pais quando eu tinha?vinte anos de idade. Trabalhamos duro, e em dez anos, a Apple cresceu?dos dois que éramos em uma garagem, para uma companhia de dois?bilhões de dólares e mais de quatro mil empregados.
Tínhamos lançado nossa melhor criação, o Macintosh, um ano antes,?atingia os meus trinta anos e então fui despedido. Como se pode ser?despedido de uma companhia que se fundou? Bem, na medida em que a?Apple crescia, empregamos alguém que pensávamos que era muito?talentoso, para me auxiliar a dirigir a companhia, e as coisas?correram bem durante o primeiro ano. Então nossas visões de futuro?começaram a divergir e eventualmente chegamos a um impasse.
Nesse momento o “Board of Directors” apoiou a ele e eu me vi posto na rua e?de um modo bastante ruidoso. O que tinha sido o foco de minha vida?adulta desapareceu e o efeito foi devastador. Realmente não sabia o?que fazer por alguns meses. Sentia haver decepcionado a geração que?havia confiado em mim, perdendo o bastão quando ele me era passado.
Encontrei David Packard e Bob Noyce e tentei me desculpar por havê-?los traído tão seriamente. Foi um fracasso público e cheguei a pensar?em fugir do (Silicon)Valley. Mas alguma coisa começou lentamente a?surgir dentro de mim. Ainda gostava do que fazia. As mudanças na?Apple não mudaram um bit disso em mim. Tinha sido rejeitado mas ainda?estava apaixonado. Decidi recomeçar.
Na época não percebi, mas ter sido despedido da Apple foi o melhor?que me poderia ter acontecido.?O peso de ter sucesso foi substituído pela leveza de ser iniciante?novamente, com menos certezas a respeito de tudo. Isso me liberou?para entrar em um dos períodos mais criativos de minha vida. Durante?os cinco anos seguintes iniciei uma companhia chamada NeXT, outra?chamada Pixar, e me apaixonei pela maravilhosa mulher que veio a se?tornar minha esposa. Pixar criou o primeiro longa metragem por?animação computadorizada, Toy Story, e é atualmente o estúdio de?animação de maior êxito no mundo.
Numa notável mudança de rumos, Apple comprou a NeXT e retornei à?Apple. A tecnologia que desenvolvemos na NeXT está no âmago do?corrente renascimento da Apple e Laurene e eu construímos uma família?maravilhosa.
Estou seguro de que nada disto teria acontecido se eu não tivesse?sido despedido da Apple. Foi um remédio amargo, mas penso que o?paciente necessitava dele. As vezes a vida te acerta na testa com um?tijolo. Não perca a fé. Estou convencido de que a única coisa que me?mantinha funcionando era a convicção de que amava o que fazia. Se?você não encontrou ainda, mantenha-se atento e não esmoreça. Como em?todas as coisas do coração, você saberá quando encontrar, e como?qualquer grande relacionamento, ele só ficará melhor e melhor na?medida em que passem os anos. Mantenha-se olhando. Não afrouxe.
Minha terceira história é sobre morte. Quando tinha 17 anos, li uma citação?que dizia algo como: “Se você viver cada dia como se fosse seu?último, em algum dia com certeza você estará certo”. Isto me causou?um forte impressão, e desde então, nesses trinta e três anos, olho no?espelho a cada manhã e me pergunto: “Se este for o último dia de?minha vida, desejaria fazer o que vou fazer hoje?” E sempre que a?resposta é “não” por uns quantos dias de enfiada, sei que é hora de?fazer alguma mudança.
Lembrar que vou morrer proximamente é a coisa?mais importante que encontrei para fazer as grandes escolhas da vida,?por que todo o mais, — todas as expectativas externas, todo?orgulho, todo medo de constrangimentos ou fracassos – nada disso?importa diante da morte, deixando apenas o que é realmente?importante. Lembrar que algum dia você vai morrer é a melhor maneira?de evitar a armadilha de pensar que você tem alguma coisa a perder.
Você já está pelado. Não há razão para não seguir seu coração. Há um?ano atrás diagnosticaram que eu tinha um câncer. Fiz uma ecografia as?7:30 da manhã e ela mostrou claramente um tumor em meu pâncreas. Eu?sequer sabia o que era um pâncreas. Os médicos me advertiram que?quase certamente esse era um tipo de câncer incurável, e que devia?ter uma expectativa de vida de não mais do que três a seis meses.
Recomendaram-me que fosse para casa por as coisas em ordem, o que é?um código deles para “prepare-se para morrer”. Implica em dizer para?as crianças em poucos meses tudo o que pensavas ter dez anos para?dizer. Implica em organizar tudo de modo a tornar mais fácil as?coisas para sua família. Significa dizer adeus para os teus.
Vivi com esse diagnóstico o dia todo. Mais adiante, naquela tarde,?foi feita uma biópsia em que me enfiaram um endoscópio guela abaixo,?através do estômago e intestino, cravaram uma agulha em meu pâncreas?e retiraram alguma células do tumor. Eu estava sedado, mas minha?mulher, que lá estava, contou-me que quando viram as células ao?microscópio os médicos começaram a gritar, porque se tratava de um?tipo muito raro de câncer pancreático que era curável por cirurgia.?Fiz a cirurgia e, felizmente, estou bem agora.
Foi o mais perto que estive de encarar a morte e espero que seja a?mais próxima que tenha estado por algumas décadas mais. Tendo passado?por isto, posso dizer agora para vocês com um pouco mais de certeza?do que quando a morte era um conceito útil, mas apenas puramente?intelectual: Ninguém deseja morrer. Mesmo as pessoas que desejam ir?para o céu não querer ter que morrer para ir para lá, e no entanto a?morte é o destino que todos nós partilhamos. Ninguém jamais escapou?dela. E assim é que deve ser, porque a morte é provavelmente a melhor?invenção singular da vida. É o agente de mudança da vida, desfaz do?velho para abrir lugar para o novo. Neste momento, o novo são vocês.
Mas em algum dia não muito distante vocês gradualmente vão se?tornando o velho e serão descartados. Desculpem que seja tão?dramático, mas é a verdade. O tempo de vida de vocês é limitado,?portanto não o desperdicem vivendo a vida de outrem. Não se deixem?prender por dogmas, que é viver com os resultados do pensar de?outros. Não permitam que o ruído das opiniões alheiras afogue a voz?interior de vocês, e, mais importante, tenham a coragem de seguir seu?próprio coração e intuição. Eles de alguma maneira sabem no que vocês?realmente querem se tornar. Tudo o mais é secundário.
Quando eu era jovem, havia uma publicação interessantíssima chamada?“Catalogo de toda a Terra” que era uma das bíblias de minha geração.?Foi criada por um cara chamado Steward Brand não longe daqui, em?Menlo Park, trazida à vida com seu toque poético. Isso ocorreu nos?anos 60, antes de computadores pessoais e desktop publishing, logo?era feito com maquinas de escrever, tesouras e câmaras Polaroid. Era?algo tipo Google em papel, 35 anos antes de haver Google. Era?idealístico, cheia de belas ferramentas e grandes noções. Steward e?seu time lançaram alguns numero dessa Whole Earth Catalog e quando?acharam que tinha chegado, lançaram um numero final. Estávamos em?meio aos anos 70, nossa era. Na última capa desse numero final havia?uma fotografia de um amanhecer numa estrada de interior, do tipo em?que vocês estariam trilhando se fossem um pouco aventurosos.

Abaixo? dela as palavras:
“Mantenha-se faminto, mantenha-se ingênuo”. Era o?adeus deles, sua assinatura. “Mantenha-se faminto, mantenha-se?ingênuo”.
Sempre tenho desejado isso para mim mesmo, e agora, como?vocês que graduam estão começando vida nova, desejo então para? vocês. “Mantenham-se famintos, mantenham-se ingênuos”.
Muito obrigado.


Texto do discurso (em inglês)

Dica do post enviada pelo Eduardo Seeling. Envia a sua via @espaco ou dicasdepost@design.com.br


Opera lança versão nova para Mac

A Opera anunciou hoje a versão 10.52 final do seu browser para Mac. Essa versão promete ser o navegador “mais rápido do mundo”.

Essa versão diferente das outras conta com um nova forma de rendenização JavaScript, chamada Carakan. Segundo os desenvolvedores essa nova forma deixa o navegador até 10x mais rápido do que as versões anteriores.

Além da velocidade o Opera também teve um redesign na sua interface e ganhou uma interface mais Apple-like. desenvolvida sobra a framework Cocoa da Apple passa a contar com a integração do Growl, suporte a trackpads multi-touch e também conta com compatibilidade total a linguagem HTML5.

* Para você instalar ele, é necessário Mac OS X 10.3 ou superior.

via: MM


Novos prototipos do iPhone 4G

Depois do iPhone 4G ter vazado, o designer italiano Seraphan, criou novos mockups do aparelho em outras opções de cores, já que os iPods oferecem diversas cores.

Particularmente eu não gostei do formato todo quadrado do iPhone. Quem sabe isso mude se eu pegar um 😛

Vale lembrar ainda que a Apple pode mudar o design em um último minuto e surpreender a todos. E você o que achou?

via: MM


Apple lança iPad

Não é iTablet, nem nenhum outro nome já citado, é iPad o nome do novo gadget da Apple, lindo e com diversos recursos que irei citar por aqui.

o iPad pode ser utilizado para navegação, email, fotos, vídeos, músicas, jogos, ebooks, e para os demais aplicativos que Appstore suporta intitulada de iPad App Store, pois a interface já maximiza todos os aplicativos, Ou seja 140 mil títulos são compatíveis.

A interface do iPad é um “misturado” de iPhone OS e Mac OS X, com um dock tridimensional inferior e um teclado virtual quase do tamanho de um de verdade.Quanto as outras especificações seu peso é 680 gramas e 1,27 cm de espessura, chip Apple A4 com clock de 1Ghz, tela IPS de 9,7 polegadas, o Multi-touch. acelerômetro, bússola, alto-falante e microfone, conector de dock na inferior, 16 a 64GB de capacidade de armazenamento, 10 horas de bateria. (Reza lenda que em modo stand-by ela guenta 1 mês).

Junto com este a Apple ainda lança a nova iBook Store, onde os livros podem ser baixados e lidos diretamente na iPad, com interface semelhante ao Classics. Já conta com parceria da: Penguin, Macmillian, Simon & Shuster, HarperCollins e Hachett.

A Gameloft foi convidada pela Apple, há cerca de duas semanas para conhecer a iPad e adaptar seus jogos, ou seja. Em breve muiiiiiitos jogos interessantes.

Quanto os preços (Muhahahhaha) a linha começa em US$500 para o modelo de 16GB, 32GB = US$600, 64GB = US$700 e quem quiser ele com 3G deve adicionar US$130 a qualquer modelo de iPad. (Wi-Fi é nativo).

Para quem quiser as iPad, as Wi-Fi chegarão ao mercado mundial em 60 dias, as com 3G só estarão disponiveis em 90 dias (30 dias depois das com Wi-Fi).

Segundo Jobs, mais de 75 milhões de pessoas já sabem usar a iPad, pois possuem iPhone, iPods touchs e/ou conhecem a forma Apple de lidar com as coisas.

Termina sua apresentação com a frase: “Nossa mais avançada tecnologia em um dispositivo mágico & revolucionário, com um preço inacreditável.”

E o site da iPad já existe, é http://www.apple.com/ipad/

Constantemente atualizado…