A diferença entre ter visão e ser vidente.

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Bem, antes de mais nada, o iPad é sim um iPhone gigante que não faz ligações, só que a pergunta é: O quanto isso define realmente o insucesso da nova plataforma da Apple?
Em 1913 Coco Chanel abria sua primeira loja em Paris. O que muita gente não sabe é que muito antes disso Chanel chocou os franceses durante muitos anos com seus hábitos estranhos, roupas escuras e cortes de cabelo curtos. Os chapéus que usava eram incompreensíveis e seu estilo completamente “não apropriado”. As pessoas da época simplesmente não conseguiam visualizar como aquele estilo controverso poderia um dia alcançar o patamar de alta costura. A verdade é que Chanel prototipou durante toda a sua carreira, experimentando em si mesma suas criações e aprendendo com os resultados, o que lhe permitiu propor mudanças radicais nos modelos apresentados na época e realmente inovar para sempre a moda feminina.
Bem, o resto é história: corte de cabelo Chanel, sapato Chanel, vestidos e chapéu Chanel…e principalmente, o estilo Chanel de ser que inspirou a mulher moderna. Enfim toda mulher deve muito essa visionária considerada esquisita demais e criticada durante a maior parte da sua vida.
Em Outubro de 2001 Steve Jobs anunciava para o mercado o iPod. Para quem não sabe o primeiro MP3 player foi lançado em 1997 por uma empresa Coreana chamada Saehan. Isso fez do iPOD apenas mais um MP3 player de “tamanho”(capacidade) gigante. O que aconteceu depois? Duas coisas: O fone branco e a iTunes store.
O primeiro elemento catapultou o iPod ao patamar de “cool” criando um diferencial que posicionou o aparelho de Jobs como objeto do desejo. Ouvir música é uma experiência pessoal, mas desfilar com um fone branco por ai é uma experiência social. E experiências sociais pegam.
O segundo elemento – iTunes store. Ao desenvolver uma orquestra de serviços bem estruturada em torno do iPod, a Apple posicionou o pequeno gadget para a venda em grande escala, criou um novo modelo rentável de negócio com musica e tornou o iPod líder absoluto na categoria com 240,000,000 de unidades vendidas até Janeiro de 2010.
Steve Jobs anteviu esses dois elementos explosivos desde o inicio? Provavelmente não. Mas ter visão não é sobre antecipar todos os passos dos próximos 10 anos (isso é ser vidente), ter visão é sobre continuar se perguntando incansavelmente como tornar aquilo parte relevante da vida das pessoas, o que somado ao aprendizado do lançamento e evolução de um novo produto gera uma quantidade de insights chave que podem ser usados por uma empresa com cultura de inovação para redefinir um setor ou categoria.
Quando criticar o iPad lembre-se : A inovação não está no produto, está na orquestra. Que orquestra? Só o tempo vai dizer, inclusive para Steve Jobs.
O iPad é o mais novo protótipo de Jobs, e a Apple aprende e se mexe rápido.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Distribua

7 comentários

  • Esse foi o post mais sensato que jå li sobre o iPad. É aquela velha questão: As pessoas criticam o produto por se parecer com um iPhone maior. Mas depois, alguma pessoa descobre uma função, um jogo, um aplicativo e pronto: Steve Jobs é gênio e todo mundo adora a Apple. Como profissionais que trabalham com tecnologia, não devemos duvidar de nada do que a Apple faz porque ela tem o pioneirismo na veia de Jobs. Ela abre novas possibilidades, novos mercados. Com certeza os mesmos que criticam o iPad gostariam de tê-lo em suas bolsas. Parábens pelo post! []'s
  • Isso aí, Ernani. Pode ser que ele esteja cobrando $699 pras pessoas testarem um produto pra ele, mas por enquanto, na minha bolsa, nao entra um. Com a configuração atual do iPad, eu prefiro ter um netbook. Que Jobs disse nao servir pra nada. Pelo menos serve pra ver email e ouvir musica ao mesmo tempo. :P Mas deu pra compreender a ideia principal do Tennyson. Só acho que com mais projeto, ele teria se poupado de gafes, como "sem multitasks".
  • Conversei sobre isso com um amigo designer um dia desses mesmo. O importante é que se abre uma possibilidade tecnológica. Pode até ser que o próprio iPad não dê em nada, mas quem sabe ele não alavanca outras tecnologias/serviços/produtos? Eu o vejo como um vislumbre do que pode vir.
  • Como a tereza disse, abre uma infinita possibilidade tecnológica e de outras ações e possibilidades. O grande vilão é que estamos acostumados a ver ações a ser feitas, ações essas que já existem. Por exemplo ver e-mail e escutar musica. Pessoalmente IPAD não é para isso (pode ser feito mais não é o foco). E IPAD é revolucionário, e já começaram a ver, dou o exemplo do mercado de board-games (mercado que não existe no Brasil) que já viu no IPAD uma brecha para criar jogos onde use o tecnologico e ao mesmo tempo cria aquele ambiente de confraternização e zuera que so vários humanos juntos conseguem criar, outra parte que o ipad trouxe é realmente a vinda do touch-screen para perto, vai chegar um momento que teclado e mouse vao sumir (isso todo mundo sabe), e o ipad só trouxe essa realidade mais proxima. Alguem imaginou um photoshop com a navegação totalmente mult-toque, agora imagina eu retocando a imagem necessaria para aquela reunião job, dentro de um onibus em pé. Com netbook eu não faço isso, com um iphone tambem não. Agora com um IPAD, opa já vejo uma possibilidade ai. Agora é só esperar que os designer vejam essas novas possibilidades e criem conteúdo que aproveite isso. Por que fazer site em flash, site html (não importa se muda o geito de navegar ou sei lá mais o que), só congela o progresso e torna esse aparelhos inuteis. Percebem, site, email e coisa para aparelho velho, deus queira que eu esteja vivo na época em que o email morreu igual ao icq (que voltou infelismente), na epoca da morte de lcd, de net ou notebook nao importa. Mais para isso designer tem que criar conteúdo para mídia nova, e não uma tradução de site desktop para ipad touch, e as pessoais tem que ver que o mundo realmente muda. Óó grande época onde, o 64-bits era desumano pq nenhum programa rodava nela.
  • Entendo que a Apple conseguiu inovações interessantes, mas não podemos deslumbrar com qualquer palavra ou feito deles. Acredito que a Apple se valha pela marca, e mais do que isso explora justamente o mercado que busca quaisquer lançamentos. Por isso lançam podutos que não sejam tão bem desenvolvidos. Em algum tempo eles lançaram um tablet multitask, meu celular é multitask. Não creio que seja falta de tecnologia, mas sim de tempo, e para aproveitar o mercado eles lançam um projeto ainda em desenvolvimento. Temos que analisar uma empresa por todos os pontos, e é isso que faz da Apple fora do comum. A percepção que não é só o Design, não é só a vanguarda e nem tanto o preço, sabemos que o desejo de consumo é composto por inúmeros fatores que a Apple domina e por isso é exemplo. É evidente que daqui 5 anos ou menos os Tablets vão tomar uma grande parcela do mercado e que a tendência é ser uma evolução do notebook, entretanto ainda é um produto em desenvolvimento, que como dito acima não entra na minha bolsa. Esperemos a evolução.
  • realizo consultas espirituais para todos os fins, voce que ja perdeu as esperancas da vida, e acha que para seus problemas nao existe mais solucao, atravez dos Guias espirituais posso te ajudar a vencer.contato: consultasespirituais2011@hotmail.com