Fonte X9: Calibri conseguiu derrubar o primeiro-ministro do Paquistão

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Lembram que postei aqui que investigadores revelaram que documentos financeiros cruciais fornecidas pela família Sharif utilizava da fonte Calibri da Microsoft, mas tinham datas de antes da liberação da fonte para o público. Pois é, o primeiro-ministro do Paquistão, Nawaz Sharif, vai deixar o cargo imediatamente, seguindo uma decisão história da Suprema Corte do país. Sharif tem enfrentado acusações desde o ano passado, quando documentos vazados aparentemente mostravam que sua família tinha riquezas escondidas em empresas fantasmas no exterior.

Enquanto no Brasil uma mala de dinheiro, duas gravações não comprovam nada…

Nessa sexta-feira cinco membros da Suprema Corte decidiram de forma unânime que Sharif será desqualificado de ocupar qualquer cargo público, alegando que ele foi “desonesto com o Parlamento e com o sistema judicial”, a CNN apurou que, um porta-voz do partido o PMLN, depois deu uma declaração que dizia: “Nawaz Sharif deixará de ser o primeiro-ministro do Paquistão apesar de ressalvas a respeito do veredito”. O gabinete do primeiro-ministro também será dissolvido.

As finanças da família de Sharif passaram a ser apuradas depois do vazamento de 11,5 milhões de documentos conhecido como Panama Papers. Os documentos supostamente hackeados identificaram muitas pessoas poderosas as redor do mundo, o nome de Sharif estava nestes documentos que destacavam como era escondido o dinheiro nas empresas fantasmas. Foi aí que começou a investigação não só no primeiro ministro, como em toda sua família.

A investigação foi neste mês e o relatório final identificou muitas irregularidades, mas o ponto cabal foi a fonte da Microsoft em um documento que deveria existir antes da existência oficial da fonte, Calibri. O documento que estava datado em 2006 foi pastado por sua filha, Maryam Sharif no twitter, e quando os investigadores foram analisar, perceberam que o papel não poderia ser legítimo porque a Calibri foi lançada só em 2007.

O caso ganhou muita notoriedade por lá e nas redes sociais foi usado a hashtag, #Fontgate, como uma referência a todas as coisas relacionadas com a corrupção da família.

Eu sou uma administradora e não a dona. Prova anexada.

Nas descobertas que o GizModo noticiou, os investigadores descobriram que os filhos de Sharif não declararam a propriedade de três empresas offshore que fecharam negócios avaliados em pelo menos US$ 25 milhões e também afirmam que Sharif foi o presidente do conselho de uma empresa chamada Capital FZE, registrada nos Emirados Árabes Unidos. Essas coisas não necessariamente seriam ilegais no Paquistão, mas a família precisa declarar formalmente o envolvimento.

Paquistão Sinistro!

Nos últimos 69 anos do Paquistão nenhum primeiro ministro civil terminou seu primeiro mandato completamente. Essa também foi a primeira vez que Sharif é forçado a sair fora. Ele já foi deposto em 1999 por meio de um golpe militar e ficou preso sob acusações de apropriação e corrupção. Seis meses depois ele foi liberado e mesmo após o escândalo, Sharif conseguiu ser reeleito em 2013. Agora os paquistaneses só esperam que decisão da Suprema Corte impeça uma futura eleição no futuro.

[Bloomberg]

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Distribua

Não há comentários ainda, seja o primeiro a comentar!