Concurso: Estampa para Ecobag DRC Treinamentos

Nada mais atual do que ser sustentável. E esta é uma responsabilidade que ninguém pode se isentar! Pensando nisso nasceu a campanha de sacolas ecológicas do DRC. O projeto é simples, mas os resultados serão enormes!! Vamos distribuir 800 sacolas ecológicas nos meses de janeiro e fevereiro entre nossos alunos, e quem vai fazer a estampa dessa sacola é você!

A estampa terá a sua assinatura!
Esta será uma excelente oportunidade para conhecermos seu trabalho, ilustrarmos nosso produto e ainda ajudá-lo a ser mais ecologicamente correto.

Além disso seu trabalho será exposto a muitas pessoas, e vamos divulgar o vencedor do concurso em todas as nossas mídias: Site do DRC, com mais de 32 mil acessos mensais, Facebook com quase 4 mil curtidores e twitter com cerca de 3 mil seguidores.

Coloque sua imaginação pra trabalhar, pois estamos curiosos pra saber quem será o grande vencedor do concurso! Mas pode pensar com calma no assunto, você tem até o dia 01/11/2011 pra nos enviar o layout que você aposta que será o vencedor.

Leia todas as regras com atenção!

Distribua

Tricotando com a energia do vento

A idéia fantástica é da designer holandesa Merel Karhof que através da energia dos ventos gerada por um moinho, tricota, vários cachecóis.

Veja além do vídeo, várias fotos do projeto e desobramentos no Blog do Rodrigo Barba.

Distribua

Concurso: Talentos Design ’11

Estão abertas até o dia 26 de abril as inscrições para o Concurso Talentos Design ’11, que premiará projetos de design de estudantes com o tema “Sustentabilidade”. São convidados a participar estudantes maiores de idade de qualquer universidade, faculdade ou escola de ensino superior, e de qualquer nacionalidade, sendo requisito a matrícula em curso acadêmico no período 2010/2011.

É possível inscrever projetos de design nas categorias “Espaços e interiores”, “Industrial ou produtos”, “Gráfico”, “Moda e têxtil” e “Digital”.

Cada participante poderá enviar no máximo 10 projetos, sendo até dois por categoria, até as 11h00 horas (horário da Espanha) da data limite. Os projetos ficarão expostos na página web do concurso e os internautas poderão votar neles a partir das 17h horas do mesmo dia 26, e até 3 de maio.

Os 50 projetos mais votados serão expostos durante o outono deste ano em Madri, na Espanha.  A divulgação dos vencedores será feita no dia 30 de junho e um júri de especialistas concederá ao melhor projeto o prêmio de € 5 mil. Os segundos colocados de cada categoria receberão € 2.500,00.

Mais informações e instruções no site:
talentosdesign.fundacionbancosantander.com.

Fonte: Sinal ESDI

Distribua

Touch Wood SH-08C – o celular revestido de madeira



Em meio a tanta tecnologia, o vídeo transmite toda a serenidade e aconchegância do xilofone de madeira tocando a belíssima Jesus alegria dos homens de Bach. Trabalheira que só mesmo os japas pra executar com tanta maestria.

Distribua

ICSID apresenta: World Design Impact Prize

World Design Impact Prize from icsid on Vimeo.

O Conselho Internacional de Sociedades de Design Industrial (International Council of Societies of Industrial Design – ICSID), parceiro da International Design Alliance (IDA), está lançando um projeto inovador criado para reconhecer, enaltecer e estimular projetos de design socialmente responsáveis por todo o mundo.

Em outubro deste ano, na Assembléia Geral do ICSID em Taiwan, o Conselho vai premiar pela primeira vez um projeto de design industrial que tenha um impacto positivo na qualidade de vida social, econômica, cultural e/ou ambiental com o “World Design Impact Prize”. Os candidatos serão nomeados somente por indicação de membros do ICSID, e podem ser provenientes de qualquer tipo de instituição, de qualquer parte do mundo. A partir do dia 29 de junho – dia mundial do design industrial – todos os projetos estarão disponíveis no site www.icsid.org para votação aberta ao público. O processo teve início dia 22 de fevereiro, com a chamada para que os membros do ICSID indiquem os candidatos até o dia 10 de maio. A votação popular termina dia 30 de agosto, e o primeiro World Design Impact Prize será entregue durante o Congresso da IDA 2011 e Assembléia Geral do ICSID, no dia 27 de outubro.

Mais informações no site oficial:
http://www.icsid.org/projects/world_design_impact_prize.htm

Fonte: Rede Design Brasil por Clarissa Hellena Rocha

Distribua

A máquina que transforma plástico em petróleo

A máquina produzida em vários tamanhos, tanto para fins industriais e de casa, pode facilmente transformar um quilo de resíduos de plástico em um litro de óleo, utilizando cerca de 1 kW · h de energia elétrica, mas sem emissão de CO2 no processo. A máquina usa um controle de temperatura do aquecedor elétrico, em vez de chamas, nada de processamento de polietileno ou polipropileno, poliestireno (números 2-4). Comentário: 1 kg de plástico produz um litro de óleo, que custa U$ 1,50. Este processo utiliza apenas cerca de 1 kW · h de energia elétrica, que custa menos de 20 centavos de dólar!

Distribua

Just Imagine: City visions (CNN)

Ken Yeang e Ross Lovegrove mostram como a natureza pode inspirar a criação de espaços de convivência em cidades, a partir da união de eficiência e beleza.

[jwplayer file=”http://www.youtube.com/watch?v=RRCx1rUtJpE&feature=player_embedded”]

Distribua

Concurso: Universal Design Award 2011

Estão abertas até o dia 30 de novembro as inscrições para a quarta edição do “Universal Design Award“. Pela primeira vez o evento abre as inscrições também a estudantes e mantém a proposta de desafio aos designers e arquitetos, que devem integrar as demandas dos consumidores de todas as idades em soluções orientadas ao usuário, sustentáveis e interculturais.

É possível participar nas categorias “Residencial”, “Telefones/Entretenimento”, “Lazer/Estilo de vida”, “Mobilidade”, “Trabalho”, “Áreas públicas”, “Comunicação”, “Serviços” e “Vida assistida” – esta última relacionada a produtos, arquitetura
ou serviços projetados para pessoas com necessidades especiais, a fim de promover um estilo de vida mais independente. O custo de inscrição é € 600, mais taxas, por cada item. Para estudantes, o valor é € 50 mais taxas.

Os profissionais ou empresas vencedores deverão pagar ainda € 1175, mais taxas, enquanto os estudantes premiados deverão fazer o pagamento de € 100, mais taxas. O prazo para a entrega dos projetos por correio termina no dia 10 de janeiro, e a divulgação dos resultados ocorrerá no dia 26 daquele mês.

A apresentação dos vencedores acontecerá de 1º a 5 de março, na CeBIT 2011, maior feira de tecnologias de informação e comunicação do mundo, sediada em Hannover, na Alemanha. Além da participação da exposição na feira, os vencedores serão premiados com um selo na forma de dois certificados, para o fabricante e designers envolvidos, e diversos benefícios na forma de publicidade e marketing de seus produtos. Mais informações e inscrições no site: www.ud-germany.de.

Fonte: Sinal ESDI 379

Distribua

E o bambu?

Toda versatilidade do bambu.

  • The origami-inspired Folded Bamboo House
  • The Woven House
  • The Wind and Water Cafe
  • The Mason Lane Farm Operations Facility
  • Butterfly Bamboo Homes
  • The Bamboo Forest House
  • BamGoo
  • Bamboo Taxi Car
  • Bamboo Jeep
  • Indonesian bamboo bicycle
  • Bamboo Speakers
  • Asus Ecobook Bamboo Laptop
  • Cut Bamboo Table Lamp
  • Bamboo Helmets
  • Bamboo accessories from Micro Innovations
  • The Bamboo Radio
  • Bird-Electron EZ-TAKEGTF2
  • Dell?s bamboo-encased eco-PC concept
  • Bamboo Chandelier
  • Bamboo Caskets

Dados sobre o bambu:

    • É a planta de crescimento mais rápido que existe
    • É um elemento importante no balanceamento de oxigenio de gas carbonico na atimosfera
    • Ser reto, leve e flexivel torna-o excelente para construcoes de madeira
    • É dos materiais mais duros com força de tensão de 28mil Psi (libra por polegada quadrada), superior a muitas ligas de aço
    • Comporta-se melhor em condicoes extremas, do que muitas outras pantas
    • É excelente para conservação do solo, pois pode ser colhida e replantada sem impacto ao meio ambiente
      Distribua

      Lixo, criatividade, improviso, gambiarra = reuso

      Eu particularmente acho esse tipo de design, onde a criação propriamente dita, se faz através da sensibilidade da observação de objetos que ganham adaptações para terem novos usos, a cara do Brasil. Improviso, reuso, gambiarra, criatividade.

      Muitos descriminam, acham que não é design. Acham feio, porco, etc. Pouco me interessa. Acho que a o maior legado disso tudo é prolongar a vida do que poderia estar largado pelos cantos, poluíndo o mundo.

      Abaixo listo 15 projetos de gente do mundo todo, que com baixíssima tecnologia disponível e muita criatividade deu nova vida muitos objetos. E justiça seja feita, alguns de rara beleza.

      1. Botijão de gás + Marcos Davidson = Luminária
      2. Garrafar PET +Klein Dytham architecture = Parede de tijolos
      3. Garrafas PET + Mana Bernardes = Bijoux
      4. Garrafas PET + Johanna Keimeyer = Luminárias
      5. Talheres + Copos de plástico + Luis Luna = Pendentes
      6. Lâmpadas fluerescentes queimadas + Castor Design = Luminária
      7. Tubo de PVC + Jost Litzen = Sapateira
      8. Roupas velhas + Gary Harvey = Vestidos
      9. Rolos de papel higiênio + Yuken Teruya = móbiles
      10. Janelas + Cheft = Estufa
      11. Pneumáticos + Jan Willem van Breugel = Bolsa
      12. Fitas K7 + Transparent House Studio = Luminárias
      13. Caixas de fruta de madeira +  Baileys Home & Garden = estante
      14. Lixeira + Ami Drach & Dov Ganchrow’s Design Studio = Poltrona
      15. Banheira + Reddish Design = Poltrona

      Compilei muita coisa do excelente blog do Rodrigo Barba

      Outros projetos de mesma complexidade ou que vão te dar um pouco mais de trabalho para serem executados, podem ser vistos na Comunidade Superuse, que tem twitter (@superuse)

      Distribua

      Puma Clever Little Bag

      As famosas caixas vermelhas de tênis (vide acima) da Puma agora não existirão mais. A empresa resolveu optar por uma mais suntentável e que tivesse menor gasto de material e energia.

      A nova embalagem tem apenas uma única folha de papelão e não usa cola, apenas dobras e uma alça para evitar o uso de sacola plásticas. E usa 65% menos material do que sua antecessora. A ideia expetacular foi criada pela Puma em parceria com o designer Yves Béhar da Fuseproject.

      Abaixo você pode conferir o vídeo institucional sobre a nova embalagem.

      Ao meu ver esse projeto ta demais, só tem que vir um aviso as vendedoras para não o coloque em uma sacola em caso de venda, haha!


      Distribua

      A Historia de uma garrafa de agua – (da s

      Distribua

      O avanço do ecodesign


      Esse post em especial foi feito à pedido da Beatriz Passos, que nos mandou um email pedindo um artigo sobre design sustentável no Brasil. Em contra partida convidei a Daiane Santana que é Engenheira Ambiental e escreve no blog VivoVerde para falar mais sobre. Espero que gostem, e vocês também podem fazer seu pedido de post no dicasdepost@design.com.br.

      O Ecodesign ou melhor, design ecológico como é conhecido também, o desenvolvimento de produtos com consciência ambiental. Mas o que viria a ser esta consciência ambiental? Eu, você pode ter ou não atitudes que contribuem para o controle de um bom ambiente, o que interessa é que este “novo termo” ecodesign vem sendo difundido entre as empresas com grande facilidade e sendo bem empregado por várias destas.

      O ecodesign engloba bem mais do que apenas o produto final, ele tem a característica de um estudo detalhado do “ciclo de vida do produto”, abrangendo desde a matéria-prima e materiais, até o planejamento, desenvolvimento, produção, uso e descarte do produto. Visando esta característica posso ressaltar outra prática utilizada, o cálculo do desempenho ambiental durante este processo, que é uma medida de quanto custa existir, no caso o cálculo de quanto se gasta ou polui o meio durante a produção.Para ficar mais claro de como seria o desempenho ambiental é só imaginar algo cotidiano como, por exemplo, a leitura de um livro, este livro gastou papel, que gastou árvores, que protegiam o solo, que faz a água andar mais devagar e ficar mais limpa e por aí vai… Como se pode perceber, todas estas ações geram um custo, e assim é medido o desempenho ambiental. O ecodesign se apropria deste conhecimento e em cada etapa devem ser considerados os impactos ambientais decorrentes e avaliadas as possibilidades de melhorias até mesmo com o desenvolvimento e emprego de novas tecnologias.

      Vocês já viram como as embalagens de celulares vem cada vez menores? Ou a redução da quantidade de embalagens para um mesmo produto, o uso de refis e a utilização de embalagens retornáveis (como as de cerveja), são técnicas que diminuem o uso de materiais e, de quebra, o custo total do produto; a utilização de embalagens e materiais biodegradáveis e que podem ser encontrados na região para diminuir o impacto com transporte e a não utilização (se possível) de produtos químicos perigosos ou tóxicos.
      Pensar nestas práticas hoje em dia é dever para os designers que queiram se destacar, pensar em novas práticas de sustentabilidade em vários setores é um bom diferencial.
      A reutilização e reciclagem é um fator legal, utilizar de matérias-primas provenientes de fontes sustentáveis, como por exemplo, matérias-primas proveniente do rejeito de outras indústrias, matérias-primas orgânicas (alimentos orgânicos), e matérias-primas renováveis em substituição às não renováveis são bons exemplos do que se pode fazer com elas.

      O objetivo principal do designer que queira partir para esta área é colocar em mente o foco em criação de produtos com baixo impacto ambiental possível.

      Me lembro que minha avó fazia umas colchas, tapetes, lenço de sofá de sobras de panos (retalhos), mal ela sabia que já contribuía para a ideia do ecodesign.
      Vamos a alguns exemplos:
      Poltrona feita de retalhos.

      360 garrafas de plástico foram transformadas em feltro, para dar vida a esta cadeira acima.

      Feito de pedaços de madeira totalmente artesanal, uma a uma.

      Luminária que utiliza lâmpada de led, por ter um baixo consumo e um tempo de vida médio muito superior ao de uma lâmpada incandescente ou mesmo a economizadora.

      O troféu acima é do Campeonato de Megarampa que ocorre todo ano, feito em madeira com certificação do FSC (Conselho Brasileiro de Manejo Florestal) para produção das peças.

      Poltrona “Giramundo” criada pelo Marcus Ferreira, feita de restos de tecidos.


      Perceba que nem sempre a produção necessita ser de restos, material reciclado ou algo do tipo, dá sim para conciliar a tecnologia a favor do consumo consciente e da produção voltada para um desempenho ambiental bem mais baixo.

      Com inteligência e conhecimento de matérias primas, material em bom estado, dá para ter uma peça bonita e sustentável, no qual o cliente irá pensar duas vezes antes de escolher um produto que não tenha esta vertente, pelo menos é este o caminho que o consumidor deve tomar.

      Fontes:
      Quarto Sala e Info Escola


      Distribua

      Eko Semáforo

      Eko-Stoplight-by-Damjan-Stankovic-1
      Todos que utilizam a internet esta acostumado com as famosas barras de progresso, nunca pensei que ela seria usada na vida real. Mas o Eko Semáforo veio para mudar tudo isto.

      Eko-Stoplight-by-Damjan-Stankovic_1

      Criado pelo Designer: Damjan Stankovi? tem como idéia uma solução ecológica das seguintes maneiras: Se você sabe a quantidade de tempo que você tem ficar parado, você pode deixar o motor desligado, esperar, ter calma, e ligá-lo novamente quando o tempo está quase esgotado. Isto não só economiza a gasolina como tambémdiminui o stress durante o trânsito (ou não).

      Eko-Stoplight-by-Damjan-Stankovic

      fonte: Yanko Design

      Distribua